Back To Top

Cadê a galera de Tech??

Como colunista para temas relacionados a tecnologia, inovação, gestão, startups, empreendedorismo e alta performance, eu preciso tocar neste assunto: como empreender e ter alta performance sem mão-de-obra preparada. Este déficit de mão de obra qualificada não é de hoje! Desde a época que entrei na área de tecnologia em 1995, eu sempre ouvi o mesmo discurso! Faltam bons profissionais técnicos qualificados!

Passados quase 24 anos, como o problema ainda persiste?? Na verdade, o problema só aumentou! Refletindo, podemos entender este déficit! Vamos aos fatos:

1 – Escolas e professores obsoletos:

Radical da minha parte?? Se você tem 40 anos ou mais, converse com qualquer jovem prestes a entrar na faculdade e entenderá sobre o que estou falando. As matérias são as mesmas, a metodologia de ensino, praticamente a mesma, os professores, com a mesma cabeça e conhecimento de 20 anos atrás.  Obviamente, não podemos generalizar. Mas infelizmente, esta é a grande realidade da maioria das escolas e professores.

As escolas de hoje já deveriam ter 1 tela touch para cada aluno, sensores de presença com reconhecimento facial substituindo chamadas, parte das aulas sendo remotas, algumas aulas voltadas ao lado emocional/comportamental do aluno, aulas makers, ou seja, aplicando teoria na prática. Quem nunca se questionou: pra que vou usar este cálculo na minha vida? rsrs

Enfim, apenas citei algumas ideias para não ser aquele cara chato que apenas critica e nada sugere!

2 – Pais também estão desatualizados:

Há poucos anos atrás, quando montamos uma unidade no interior de SP, entendemos claramente este ponto. Contratamos cerca de 15 estagiários. E conversando com eles, o que mais ouvimos foram as decepções que os pais destes estagiários tinham em relação ao caminho que os filhos escolheram. Alguns deles filhos de médicos, veterinários, concursados públicos. Na cabeça destes pais, os filhos se tornariam comerciantes de hardwares ou técnicos que dão manutenção em computadores quebrados. É sério e não faz muito tempo!!

Ahhh Fabio…mas é no interior. E nas principais capitais? Garanto que o problema é o mesmo. Duvidam? Olhem os cursos mais concorridos nas universidades…

Logo, existe um baixo incentivo para cursos relacionados à área de Tecnologia de forma geral.

3 – Globalização:

Com todos os problemas citados, ainda temos este enorme concorrente chamado mundo! Todo ano, vejo diversos colegas e funcionários nossos saindo do nosso pais para trabalhar nos EUA, Europa, Austrália, entre outros. Os motivos são diversos: segurança, qualidade de vida, carreira, etc.

E agora? Dá pra resolver?

Claro que dá!

Se você leu este artigo até aqui, compartilhe com seus colegas! Assim começamos a resolver o problema número 2! Precisamos de mais pessoas refletindo e atuando nisto. A nossa área é fodástica! Tem oportunidade pra caramba! As empresas mais valiosas do mundo são todas de tecnologia! Nossa profissão é global! A de um advogado é? Médico? Dentista? Pense nisto!

Este artigo foi publicado no dia 08/01/2019 no Portal Empreendedorismo

>> Gostou?

Receba notícias sobre tecnologia diretamente no seu e-mail.
Cadastre-se agora mesmo.
Escrito por

Formado na área de tecnologia com MBA pela FGV em Gestão Empresarial. Fundador da Deal, fez seu primeiro M&A em 2012, tornou-se investidor no Canal da Peça em 2014, adquiriu participação na ManytoOne transformando-a no braço Digital da Deal em 2015, adquiriu uma Startup de Dados, tornando a vertical de BIG Data da Deal em 2018. Autor do livro digital Minha Vida em uma Página.

Enviar Comentário

E-mail
Twitter
LinkedIn
Whatsapp